quinta-feira, 14 de janeiro de 2010

LUTAS E VIDA

LUTAS E VIDA


"Quero num primeiro momento prestar minha homenagem a um grande guerreiro que foi o Tadeu e sua coragem. Assim como ele, estamos todos correndo risco. Admiro sua namorada Bruna pela dedicação que teve com ele até o ultimo momento."

Num segundo momento quero me referir aos meus exames de rotinas que estão chegando perto. Ai! Que medo que surge. Minha próxima consulta é dia 23 fevereiro, e que ironia, toda vez que tenho que fazer planos, fico dependendo dos resultados dos exames. Então sempre traço duas metas. Mas isso é uma nova característica minha. Hoje olhando para trás, antes do linfoma eu me recordo de uma outra Valeska, que hoje tem que se adaptar a novos valores que foram tomados de assalto. Controlar as emoções para que elas não desequilibrem o organismo, lidar com medos novos e traumas passados e situações conflituosas que hoje surgem e que requerem maneiras diferentes de agir, pois que está tudo modificado em mim. As consultas de análise estão me fazendo bem, recomendo a todos que passam por essa situação, não só como pacientes mas também como familiares. Pois são novas lutas e nova vida.

2 comentários:

daniel disse...

Oi, Val! Feliz de saber que continua tdo bem com vc. Não sei se já lhe desejei o melhor ano de sua vida para 2010,é o que espero de coração.Acho que estas incertezas são normais nestes casos, não é? Tenho visto muito isso entre as pessoas que estão em remissão. Mas se vc continuar a ter a atitude mental que tem demonstrado ter até aqui,certamente não terá nada a temer.Boa sorte nos próximos resultados.Bjs

Rosario disse...

Oi Valeska, uma pena que Tadeu se foi... eu senti muito também.
Sabe eu acho que esse medinho de exames, conrole vai nos acompanhar por um tempo..

Eu que não paro de fazer quimio a 04 anos, cada vez que tenho exames fico ansiosa, querendo ter uma trégua das quimios.
Mas, se ou tumores estão estabilizados é sinal que eu respondo ao tatamento, então, para quimio como diz minha médica : JAMAIS!
Então... vamos lutar